Lisboa Soundz 2005

:: 28 de Agosto de 2005

Numa altura de ressaca dos festivais de Verão, o novo Lisboa Soundz serviu como fim anunciado de um mês de música em alta. O público, já de carteira mais leve, deslocou-se – ainda em grande massa – à Doca Pesca de Algés para presenciar a actuação de um dos maiores hypes do momento, os Franz Ferdinand. Longe das filas para as casas de banho, das tendas e da comida de conserva, este é um festival declaradamente mais urbano, onde as pessoas pareceram agradadas pelo recinto e pela música apresentada.

Da Escócia vieram os cabeças de cartaz, Franz Ferdinand, e os seus compatriotas, Mogwai. A estes juntaram-se os norte-americanos Jimmy Chamberlin Complex e, ainda, os portugueses Bunnyranch. Coube ao quarteto de Coimbra o arranque deste novo festival. Infelizmente, não me foi possível assistir ao set mas dizem as boas bocas que a banda deu um bom espectáculo, embora um novo álbum seja urgente nesta fase.

O ex-Smashing Pumpkins e Zwan, Jimmy Chamberlin, apresentou o seu projecto juntamente com o baixista Billy Mohler e o guitarrista Gannin Arnold.

Extremamente tecnicista nesta nova aventura – Jimmy Chamberlin Complex – o baterista deu o ar da sua graça com temas ora instrumentais ora cantados. Sem necessidade de falsos protagonismos, sem refrães orelhudos e apenas focados na técnica, os Complex mostraram a sua garra num set de cerca de 50 minutos. O ambiente e o espaço não foram, certamente, os melhores para um baterista deste carisma; e, apesar da grande máquina rítmica que Jimmy é, notou-se algum desequilíbrio no que respeita à colocação do projecto no cartaz em questão. Talvez num espaço fechado funcionem bem melhor. No fundo, todo o set não esteve muito longe de um qualquer workshop de bateria. De realçar a extrema simpatia e humildade perante um público que o acolheu de braços abertos.

Os escoceses Mogwai regressaram a palcos portugueses ainda com o seu Happy songs for happy people (2003) na bagagem, mas tendo já em vista Mr.Beast (título provisório), a ser lançado para o ano.

A banda abriu as hostes com o tema “Glower of a Cat”, que serviu de aperitivo para o delicioso “Hunted by a freak”, hipnotizando assim a grande massa de fãs que se deslocou à Doca Pesca para os ver. De louvar o óptimo som que a banda teve durante toda a actuação.

“Summer”, “Helicon 1”, “2 rights make 1 wrong” fizeram as delícias de um público que se entregou de corpo e alma à sua música, que se deixou tocar de uma forma íntima e explosiva a nível emocional, puros orgasmos sónicos, distorções que rasgam emoções e voz modulada que parecia segredar-nos ao ouvido. A banda fechou com o espectacular “Mogwai fear Satan”, deixando no ar a sensação de ter sabido a pouco, muito por culpa de não ter existido encore.

Pela segunda vez em terras lusas, os Franz Ferdinand tinham a responsabilidade de encerrar o festival. “Jacqueline” foi o tema escolhido para dar início ao espectáculo onde não faltou muito pezinho de dança e dedo no ar. A banda escocesa presenteou o público com uma boa dose de canções sexy e mexidas, sendo exactamente isso que todos os presentes no recinto esperavam. “Tell her tonight” serviu de aquecimento para a apresentação de um novo tema, “Evil and Heathen”. O quarteto optou por rodar as músicas do seu álbum homónimo encaixando pelo meio alguns temas do novo registo “You could have it so much better… with Franz Ferdinand”, a editar no próximo dia 3 de Outubro.

Com uma grande interacção entre banda e público, os Franz Ferdinand pecaram nos excessivos elogios a cada um dos seus elementos, em actos puramente poseurs e em danças visivelmente falsas. Deram também a conhecer o mais “anti-cool” baixista da história do rock, Robert Hardy, que pareceu fazer o maior frete da sua vida nessa noite.
Do Lisboa Soundz resta-nos guardar na memória a simpatia de Jimmy Chamberlin, a meia dose dos Mogwai e o digestivo Franz Ferdinand.

Texto: Sérgio Lemos
Fotos: Joana Bandeira

Anúncios

~ por hiddentrack.net em 28, Agosto, 2005.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: