Sway – This Is My Demo

sway-thisismydemoNos últimos anos nasceram e foram crescendo pelas ruas de Londres estilos de música ligados intrinsecamente ao hip hop que retratam perfeitamente a realidade, muitas vezes dura, que aí se vive. Estou a falar é claro do UK Garage e do grime. Os artistas que nestes campos se movimentam separam-se perfeitamente do que se faz nos EUA (não quero com isto dizer que o que aqui se faz seja de inferior qualidade), pois além de aliarem o hip hop ao r’n’b, também o misturam com electrónicas, drum & bass e dancehall.

De entre os muitos nomes que têm vindo à baila, podem-se citar The Streets (mas este cada mais se afasta destas fronteiras), Lady Sovereign, Dizzee Rascal ou Kano. Este ano Sway estreia-se com um disco de originais, This Is My Demo, e já merece um lugar de honra de entre os principais e mais importantes nomes destas novas músicas urbanas londrinas.

Nascido Derek Safo, em This Is My Demo Sway vai debitando as suas rimas num ritmo alucinante, estando estas apoiadas numa produção extremamente cuidada e engenhosa. Nas suas rimas podemos ouvir histórias das rivalidades urbanas, do sucesso, mortes e violações.

É cada vez mais fascinante encararmo-nos com esta realidade pura e crua das ruas, a que muitos fecham os olhos para não ficarem com peso na consciência pelo que se passa não só em Londres, mas em todos os grandes centros urbanos.

Muitas vezes Sway, no seu estilo de debitar rimas, aproxima-se do ritmo 500km/h de Dizzee Rascal, como no excelente tema “Pretty Ugly Husband”, que quando não entra no contagiante refrão de cadência r’n’b, consegue contar-nos uma história de violência doméstica com uma agressividade que nos embate e faz mossa.

Sway tanto nos vai mostrando uma faceta mais violenta e com grande adrenalina como também se move por territórios mais descontraídos (como no single “Little Derek”).

Em “Flo’ Fashion” Sway vai fazendo as delícias com o seu excelente flow, a batida minimal e todas aqueles pequenos sons digitalizados, que se vão descobrindo a cada audição. Outro dos grandes momentos do disco, “Slow Down”, está repleto de sons electrónicos minimais que nos lembram os primeiros jogos de computador, ainda sem os cuidados dos de hoje em dia. As batidas são inconstantes, aparecem e desaparecem no meio da parafernália electrónica. E no refrão podemos ouvir uma bela voz feminina r’n’b que nos prende ao tema. A finalizar, “Month In the Summer”, que pelo sample duma orquestra que parece própria dum crooner, e pela soul cravada no refrão, tem um carácter algo épico, a mostrar como Sway é o que ele quiser ser: frontal e rude; calmo e resplandecente.

Com uma base sonora violenta ou relaxante, fazendo-se ou não acompanhar de belas vozes femininas que dão o toque de requinte ao r’n’b digital que lhes está aliado, Sway criou um dos melhores discos hip hop de 2006 com This Is My Demo.

8/10 | João Moço

Anúncios

~ por hiddentrack.net em 26, Abril, 2006.

 
%d bloggers like this: